Bairros

21 de fevereiro de 2024

Descubra tudo sobre morar na Zona Leste de São Paulo

Vida em condomínio

1 de fevereiro de 2024

Churrasqueira no condomínio: benefícios desse espaço e regras que precisam ser seguidas

Compra de Imóvel: Veja a Documentação Completa

Data de publicação:

19 de outubro de 2020

Categoria:

Compra de imóvel

Leitura:

5 minutos

Compra de Imóvel: Veja a Documentação Completa

Investir em um imóvel é dar um grande passo em sua vida pessoal, certo? Para isso, é preciso ter responsabilidade econômica e ter atenção aos requisitos necessários para que a compra de imóvel seja feita corretamente.

Para facilitar a burocracia envolvida durante o processo, vamos ajudar deixando claro qual é a documentação completa. Dessa forma, você já se previne e não precisa buscar os documentos com pressa. Continue a leitura e informe-se!

Saiba qual é a documentação para a comprar um imóvel

Às vezes, a animação para comprar um imóvel é tanta que esquecemos de algo muito importante: os documentos necessários. Além disso, não basta apenas ter os documentos, também é preciso tirar uma cópia autenticada em cartório para eles serem validados. Confira quais são os documentos que devem ser apresentados pelo comprador:

  • comprovante de endereço mais recente;
  • comprovante de renda atualizado;
  • RG e CPF;
  • certidão de nascimento ou de casamento.

Caso a aquisição de imóvel seja feita por uma pessoa casada, os documentos do cônjuge também serão solicitados. Se for utilizar o FGTS, deve também apresentar:

  • extrato do FGTS;
  • autorização para o saque;
  • carta do empregador;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS).

Para trabalhadores autônomos ou informais, é possível comprovar a renda de outra forma, com os seguintes documentos:

  • declaração do Imposto de Renda (IR);
  • extratos bancários;
  • Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (DECORE);
  • comprovante de recebimento de benefício previdenciário;
  • Recibo de Pagamento de Autônomo (RPA).

Informe-se sobre as taxas e os impostos

Além dos documentos necessários, também é importante ter atenção às taxas e aos impostos que precisarão ser pagos para realizar a compra de imóvel. Confira:

  • ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis)deve ser pago pelo comprador para que a escritura de compra e venda seja lavrada. Variando de município, geralmente, seu valor é de 4% sobre o preço do imóvel;
  •  taxas cartoriais — documentos, como a escritura do imóvel, precisam ser registrados em um Cartório de Registro de Imóveis. Seus custos variam e devem ser pagos pelo comprador;
  • Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU);
  • correção sobre a parcela do financiamento — caso realize esse procedimento e compre um imóvel na planta, as parcelas são reajustadas mensalmente pelo Índice Nacional de Custo da Construção (INCC);
  • comissão do corretor — a taxa pode estar inclusa no valor total ou não, por isso sempre pergunte qual será o valor;
  • custos de vistoria — a avaliação para verificar as condições do imóvel é obrigatória para liberar o financiamento imobiliário;
  •  escritura pública — para compras à vista são exigidos custos cartoriais para registrar o documento em um Tabelião de Notas.

Cada imóvel tem suas peculiaridades e vantagens, por isso é importante fazer os cálculos totais antes de investir. Conseguir um financiamento pode ajudar, mas manter as parcelas requer responsabilidade e comprometimento. Nesse caso, é preciso ter conhecimento em relação ao Custo Efetivo Total (CET), em que ficam inclusos:

  • juros efetivos;
  • prêmios dos seguros de Morte e Invalidez Permanente (MIP);
  • Danos Físicos do Imóvel (DFI);
  • tarifa mensal de serviços administrativos;
  • tarifa de avaliação do imóvel e impostos, como o Imposto de Operações Financeiras (IOF).

Então, quanto maior for o montante de dinheiro na entrada, menores e mais rápidas poderão ser as parcelas para quitar um imóvel. Como falamos, você também pode utilizar o dinheiro do seu FGTS para investir em seu primeiro imóvel.

Verifique o contrato de compra de imóvel

Lembre-se de prestar atenção no contrato de compra e venda de imóvel. Verifique se ele contém as seguintes informações:

  • informações sobre o imóvel, o comprador, o vendedor e a imobiliária;
  • valor da propriedade;
  • forma de pagamento, especificando os parcelamentos, prazos e juros, caso existam;
  • indicações sobre multas por rescisão de contrato, entrega do imóvel ou outros problemas.

Sabemos que investir em um imóvel pode ter burocracias cansativas e confusas, caso não se sinta confiante em realizar todos os procedimentos sozinho(a), não se preocupe! Solicite os serviços de profissionais especializados nos ramos jurídico e imobiliário. 

Ah, lembre-se que ter seus pagamentos em dia, evitar dívidas e manter o nome limpo ajuda no processo de compra. Afinal, o vendedor confiará muito mais em você se cumprir esses requisitos. 

Então, ficou claro quais são os documentos necessários para investir em um imóvel? Para receber mais informações sobre o mercado imobiliário, dicas para o lar e muito mais, assine nossa newsletter e receba os novos posts do blog da Conx!



Escreva sua resposta

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Fique por dentro das novidades da Conx